Quinta, 02 Abril 2020 16:57

Coronavírus: Como fortalecer seu sistema imunológico Destaque

Avalie este item
(7 votos)

O sistema imunológico é responsável pelas defesas naturais do organismo e, por conta da pandemia do COVID-19, tornou-se um dos assuntos mais discutidos por especialistas em todo o mundo. Como ainda não existe nenhuma vacina ou tratamento específico para a doença, combater este vírus depende de diversos fatores e, um deles, é a capacidade que o sistema imunológico do indivíduo terá para combater e evitar os sintomas mais graves da doença. 

Não existe nenhum alimento capaz de combater, por si só, o contágio do vírus ou de qualquer outra doença, mas a alimentação saudável e equilibrada, associada a bons hábitos de saúde, auxiliam no fortalecimento do sistema imunológico. Isto implica diretamente na força que o corpo terá para combater substâncias que o atacam constantemente.

Inimigos invisíveis 

Os radicais livres são moléculas liberadas pelo metabolismo do corpo, que podem causar doenças degenerativas de envelhecimento e morte celular. São produzidos por situações externas e internas, e tem como principal ação danificar células. Porém, o corpo possui enzimas protetoras que conseguem conter os danos causados por essas substâncias. 

"O excesso dos radicas livres causam o que chamamos de estresse oxidativo, um fator negativo que por sua vez pode debilitar o sistema imunológico, o que não é nada vantajoso para nós, principalmente no atual cenário de pandemia que estamos vivenciando.”, explica a nutricionista Karla Lucena, do Núcleo de Saúde Ocupacional do Sesc Paraíba. 

Bons hábitos

Karla explica que um sistema imunológico forte não é criado da noite para o dia, é um processo diário, contínuo. A nutricionista destaca a necessidade de se ter hábitos saudáveis de vida, incluindo alimentação, prática regular de atividade física, dormir bem e evitar hábitos que afetam negativamente o corpo, como ingestão de alimentos embutidos e/ou ricos em açúcar e gordura, temperos industrializados, consumo de bebida alcoólica e tabagismo.

Alimentação

Existem alguns alimentos que fornecem antioxidantes, substâncias que estabilizam a ação dos radicais livres e, ainda, auxiliam na modulação do sistema imunológico. São estes: 

Fontes de antioxidantes:

Compostos fenólicos: Frutas, em especial uvas, vegetais, alho, gengibre

Compostos carotenoides: Tomate, cenoura, milho, pimenta vermelha, batata doce, abóbora, pimentão, inhame, cará, repolho roxo, folhas verde-escuras, maça, manga, ameixa, melancia, laranja, mamão

Vitamina C: Acerola, limão, laranja, goiaba, caju, tomate, morango

Vitamina E: Gema de ovo, óleo vegetais, nozes, castanha-do-pará, linhaça, abacate

Selênio: Castanha-do-pará, semente de girassol, ovos

Zinco: Oleaginosas como nozes e castanhas, semente de abóbora, aveia, feijão e todos os tipos de carnes.

É extremamente importante consumir diariamente frutas e hortaliças, para que o prato esteja sempre com alimentos de diversas cores. A diversidade dos alimentos naturais é muito importante, pois estes são benéficos para a saúde quando ingeridos de maneira equilibrada e constante.

Ler 841 vezes Última modificação em Terça, 14 Abril 2020 18:47
© 2016 Serviço Social do Comércio - Sesc PB. Todos os direitos reservados. Designed By JoomShaper